O homem desimpaciente.

 

Passei meus dias sem acreditar no futuro dos homens. Passei a acreditar mais nos meus cremes do que nos homens. Até me chegar às mãos , pelas mãos do próprio autor, um exemplar de  “ Adultérios, Biombos e Demônios” do professor e  por sorte minha, amigo, Anco Márcio Tenório Vieira.

Não acreditar nos homens no país que vivo é tarefa fácil. Levo muito pouca gente a sério nesse paiol de sacanagens exponenciais, tomada de valores que não seriam os mais sérios ate pouco tempo atrás e do culto à burrice e do mal gosto.

Anco me devolveu a esperança de dias melhores. Ele é daqueles homens desimpacientes, dos que não se estagnam na própria condição, um daqueles homens que podem mudar o eixo da terra com seus pensamentos. Anco não passa seus dias sentado na comodidade da cadeira acadêmica  repassando pensamentos passados e já vistos. Anco veio para desestabilizar  com base na sua ampla leitura o modo de pensar  os fatos a partir de fatos já analisados; seu olho consegue ir aonde ninguém foi, mesmo todo mundo já estando alguma vez la.

 Me explicaria melhor se eu pudesse transcrever aqui alguns artigos desse seu ultimo livro, que na  verdade é uma reunião de teses, ensaios e pareceres  conduzidos em um par de anos e transcritos em periódicos e jornais nacionais. Alguns capítulos trazem a veia profunda analítica de quem sabe o que diz, e o modo de analisar os fatos que pode mudar o próprio modo como o mundo ver aquele fato ate então.

Antes eu gostava de Anco porque ficava hospedado na casa dele. Hoje gosto dele porque ele se mostra um dos poucos que podem pensar o mundo de uma forma que pode mudar o próprio mundo.Comprar e ler o livro de Anco é uma ótima forma de começar o ano com esperanças.

 

 



Escrito por O dono do blog. às 22h28
[] [envie esta mensagem] []



[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]


Histórico
Votação
Dê uma nota para meu blog


Outros sites
UOL - O melhor conteúdo
BOL - E-mail grátis